PATA DE ELEFANTE

Pata de elefante 2

No auge da beleza

Minha Pata de Elefante renasceu! Depois de quase 3 meses, achei que tinha morrido! Ganhei ela bem miudinha, depois de passar um bom tempo enfeitando a minha mesa, em um pequeno vaso transplantei ela para um vaso maior, ela cresceu, ficou linda! Um belo dia as folhas do centro começaram a ficar feias e molengas, pouco tempo depois elas começaram a soltar, parecia que estava podre. A batata estava boa, aparentemente, então temendo perder a minha planta, radicalizei! cortei as folhas bem rente a batata. Pesquisei muito e não achei nada que me disse-se que ela iria sobreviver. Depois de quase 3 meses começou a nascer 5 novos brotos, fiquei feliz da vida!

Aqui já com os 5 novos brotos!

Aqui já com os 5 novos brotos!

Nome Científico: Beaucarnea recurvata

A pata-de-elefante é uma planta arbustiva, de textura semi-lenhosa e aspecto escultural. Apesar de se assemelhar com as palmeiras, a pata-de-elefante não é uma palmeira verdadeira. Ela é considerada um arbusto ou arvoreta, que pode alcançar cerca de 5 metros de altura quando adulta. Seu tronco é muito ornamental, geralmente único com a base dilatada, para o armazenamento de água. Uma adaptação para sobreviver por longos períodos de estiagem.

Suas folhas são muito belas também, com um aspecto de cabeleira, dispostas em densos tufos nas extremidades dos ramos. Elas são coriáceas, achatadas, longas e recurvadas, com margens ásperas. As flores somente são produzidas nos exemplares mais velhos, já arbóreos. Elas despontam em inflorescências longas e eretas, com numerosas flores pequenas e esbranquiçadas. Ocorrem plantas fêmeas e plantas machos (espécie dióica).

As patas-de-elefante fazem muito sucesso no paisagismo, criando pontos de destaque no jardim. Sua beleza imponente e escultural pode ser valorizada isolada ou em pequenos grupos. Encaixa-se perfeitamente em jardins contemporâneos, de inspiração desértica ou tropicais. Devido ao lento crescimento, também é muito explorada como planta envasada, enquanto é jovem, para decoração de interiores, pátios, sacadas e varandas. É uma planta que praticamente não exige manutenção, mas que alcança altos valores no mercado de plantas ornamentais.

Deve ser cultivada sob sol pleno em solo fértil, bem drenável e irrigado a intervalos bem espaçados, para evitar o apodrecimento das raízes. Quando jovem, pode ser conduzida em ambientes internos, em locais com incidência solar direta (meia sombra). É muito rústica, tolerando o calor e o frio, não suportando apenas o encharcamento. Multiplica-se por estaquia e por sementes produzidas apenas nas plantas fêmeas. (texto do site http://www.jardineiro.net)

 

Anúncios
Esse post foi publicado em Plantas e Jardinagens e marcado . Guardar link permanente.

2 respostas para PATA DE ELEFANTE

  1. Rosimere Silva disse:

    Show de bola, bela artes….. PARABÉNS

  2. Isabella disse:

    Precisei serrar minha pata de elefante, porém serrei lá no alto pq ela já tinha uns 90 cm, será que sairá novas folhas lá?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s